PESQUISA
8/5/2013
As empresas de pesquisa de opinião nunca passaram lá em casa para me perguntar nada e, no entanto, elas sempre acertam o nosso comportamento e, às vezes, até influenciam nos acontecimentos do nosso dia a dia.

Se uma delas batesse à minha porta nesse momento e me perguntasse se eu acho que os candidatos que serào eleitos nas próximas eleições, vão roubar, assim que que assumirem seus cargos, provavelmente eu responderia que sim.

Depois de tantas provas de incompetência e desonestidade por parte da maioria dos políticos o que mais eu poderia dizer?...

Mas isto é tudo que eles gostariam de ouvir.

Estaria dando aos ladrões o aval de que eles precisam para continuar roubando.

Estaria cometendo um grande erro.

Seria o conformismo total.

A plena aceitação do crime,

A rendição final.

O certo seria responder:

Não, claro que não! Chega de roubalheira!

Se todos fizéssemos assim, talvez eles percebessem que o povo já está cansado de ser enganado e mudariam de comportamento.

Mas é difícil.

Parece que esse mal está enraizado em nós.

A revista Veja, certa vez, publicou uma pesquisa sobre o nepotismo e o resultado foi desanimador:

Mais de 70% dos entrevistados declararam que fariam o mesmo que os políticos:

Contratariam parentes, em vez de profissionais competentes.

Diante disso, porque os políticos mudariam?...

Entretanto, há uma pergunta que nos incomoda e precisa ser respondida:

O que falta pra corrigir essa situação?

Uma tragédia?

Um Tzunami?

Um novo Chernobyl?

Ou será que estamos aguardando o Apocalipse?

Os 4 Cavaleiros já estão entre nós.

Alguém viu?


INDEPENDENTES